D. Pedro I “O Justiceiro” – 1357-1367

Nasceu em Coimbra, em 1320. Era filho de D. Afonso IV, a quem sucedeu, e de D. Beatriz. Casou com D. Constança, de Castela. D. Pedro I foi cognominado de “O Justiceiro”por ter aplicado uma justiça rigorosa e severa, igual para todos. Faleceu em Estremoz, em 1367. os restos mortais de D. Pedro I e de D. Inês de Castro encontram-se no Mosteiro de Alcobaça. D. Pedro I logo que subiu ao trono procurou vingar-se da morte de D. Inês de Castro. Puniu severamente dois dos assassinos, Álvaro Gonçalves e Pêro Coelho. O terceiro, Diogo Lopes Pacheco, refugiou-se em França. Reuniu  cortes em Elvas, em 1361. Aí, foram tomadas medidas importantes em benefício do povo. D. Pedro I decidiu que qualquer determinação vinda do Papa, em relação à Igreja e Clero de Portugal, só teria valor depois de assinada e publicada pelo rei. Esta lei foi designada por “Beneplácito Régio”.

Por: Nuno Pereira

Deixe um comentário

Filed under Reis da 1ª Dinastia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s